Seguidores

sábado, 5 de setembro de 2009

Lembranças do sertão

Lembro meus passos infantis no sertão
Os rastros desses dias estão em toda parte
Era mula carregando a cana-de-açúcar
Lá para as bandas do riacho um canto de sabiá
A algazarra dos meninos, junto a mim no melado
Passeando dentro de meu coração, o nascer do dia
Horas proseando com um sertanejo na mata seca
No encalço de pasarinhos baladeira à mão
Pulando uma cerca em busca de melancias
No entardecer, ocupando os olhos no cerrado
Depois, à noitinha, com minha avó à Ave-Maria
Quando falo hoje do sertão é com saudades...

2 comentários:

Chica disse...

Lindas e emociondas lembranças,Flor!beijos,lindo domingo,chica

LUCONI disse...

NOSSA QUE DELICIA LEMBRAR, GOSTOSO NÉ, BEIJOS LUCONI