Seguidores

domingo, 10 de janeiro de 2010





Floresta calada
A noite adentra em seu regaço
Seio frio nu
As marcas da serra n’alma
Triste mãe ferida

Um comentário:

Chica disse...

Tristeza ver isso,não?beijos,chica e lindo domingo!